PROCLAMANDO CRISTO COMO A ÚNICA SOLUÇÃO

LIVRO "OLHE PARA JESUS" - CAPÍTULO II

LIVRO "OLHE PARA JESUS" - CAPÍTULO II

 

Olhar para Jesus é fixar os olhos

nEle e crer no

Seu cuidado paternal

 

 “Como um pai se compadece de seus filhos, assim o SENHOR

se compadece dos que o temem” - Salmos 103:13

 

É ter absoluta convicção de que, mesmo quando enormes problemas e terríveis lutas vêm sobre nós, Ele estará cuidando de nós. Creia nisso.

Muitas vezes, diante das grandes crises que atravessamos, somos levados a pensar que Jesus não pode ou, quem sabe, não quer cuidar de nós.           

Recentemente ouvi dos lábios de uma mulher angustiada este desabafo:

“Jesus está mais preocupado em resolver o problema dos outros do que em resolver os meus, Ele não tem cuidado de mim, sinto-me fraca e desamparada”.

Será esta a verdade?  Ele não cuida de nós? Ele nos desamparou?

Não! A verdade é que nós nos afastamos dEle.

Quantas vezes somos tomados pelo desespero e pela ansiedade, e nos apressamos em  tentar resolver os problemas que temos e, nessa pressa, dispensamos o cuidado amoroso e paternal de Jesus. Pensamos que somos suficientemente capazes para comandar a nossa vida, somos iludidos por um sentimento de auto-suficiência, e achamos que nós mesmos poderemos solucionar todas as nossas dificuldades.

Que grande engano! Que erro terrível cometemos quando nos distanciamos de Jesus Cristo e julgamos que somos capazes de resolver sozinhos os nossos próprios problemas.

Foi justamente num momento de intensa agonia e dor que o Salmista no Salmo 42 se expressou assim: “As minhas lágrimas têm sido o meu alimento dia e noite. Sinto abatida dentro em mim a minha alma” - Salmo 42:3.

Mas, no meio de toda essa intensa aflição e angústia, o escritor do Salmo podia ver a misericórdia do Senhor ao seu lado, o cuidado paternal de Deus  assistindo-o de dia e de noite, a boa mão de Deus ao seu lado; e ele declara a sua confiança no  pronto e eficaz auxílio do Senhor Deus Todo Poderoso: “Contudo, o Senhor, durante o dia, me concede a sua misericórdia, e à noite comigo está o seu cântico. Espera em Deus, Pois ainda o louvarei a ele, meu auxílio e Deus meu”.

Na verdade, todo aquele que está em Deus, e nEle confia e espera, não é dominado pelo desespero nem pela ansiedade.

Alguém afirmou que infeliz é o coração que não sabe confiar no cuidado paternal de Jesus Cristo. Feliz, no entanto, é aquele que busca nEle o consolo, a força para viver e a esperança na solução de seus problemas.

Conta-se que uma forte tempestade caía sobre o mar e um grande transatlântico corria o risco de afundar nas revoltas águas. A tripulação e os passageiros corriam de uma para outra parte. Os marinheiros se esforçavam para salvar o navio do naufrágio. Todos se encontravam desorientados e aflitos.

Alguém, entretanto, entrou num dos compartimentos do navio e encontrou uma meninazinha que brincava despreocupada com suas bonecas, alheia à enorme tempestade e à aflição de todos.

Ao lhe perguntarem se não temia que o navio naufragasse, a garota olhou para o seu interlocutor e respondeu com enorme segurança e tranquilidade:

- Meu papai é o piloto do navio, com certeza, nós não afundaremos.

Quem olha para Jesus com fé, crendo no seu poder, crendo no seu cuidado, pode ter também esta certeza.

Mesmo que a tempestade pareça nos sufocar, mesmo que a situação pareça insustentável, é Ele quem está no leme da nossa vida, e nós não afundaremos.

O apóstolo Paulo, apesar de todas as provações, perseguições e tribulações  que atravessou no transcorrer do seu ministério, podia cantar um lindo cântico de vitória em Jesus Cristo, declarando que nEle somos  mais do que vencedores: “Que diremos, pois, à vista destas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós? Aquele que não poupou o seu próprio Filho, antes, por todos nós o entregou, porventura, não nos dará graciosamente com ele todas as coisas? Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus? É Deus quem os justifica. Quem os condenará? É Cristo Jesus quem morreu ou, antes, quem ressuscitou, o qual está à direita de Deus e também intercede por nós. Quem nos separará do amor de Cristo? Será tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada? Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Porque eu estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor” -  Romanos 8:31-39.

O apóstolo Pedro nos desafia a lançarmos sobre Jesus todas as nossas ansiedades, porque Ele tem cuidado de nós. “Lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós” - I Pedro 5:7

Querido leitor, Jesus quer estar no leme da sua vida, dirigindo e guiando todos os seus passos, fazendo de você não somente um vencedor, mas, mais que um vencedor.

Portanto, lance sobre Ele todas as suas ansiedades e preocupações e, com certeza você irá descansar e desfrutar de todo o seu cuidado paternal.

Translate this Page

ONLINE
3



 

PASTOR NORBERTO

NO FACEBOOK

CLIQUE:

 

 

LOJA

PROCLAMANDO

CRISTO 

OFERECENDO OS RECURSOS

PARA OS CRISTÃOS 

SEMEAREM O EVANGELHO.

ACESSE:

www.proclamandocristo.loja2.com.br

 - 

-

 TOTAL DE

PAGEVIEWS

-

8.601.744

-

 

 TOTAL DE

VISITANTES