Translate this Page

ONLINE
8


PASTOR NORBERTO

NO FACEBOOK

CLIQUE:

 

 TOTAL DE

PAGEVIEWS

-   

11.295.863

      -

 

 TOTAL DE

VISITANTES

 


CURSO BÍBLICO - LIÇÃO 10

Tire cópias do curso

 

 "Conhecendo Mais Sobre Jesus"

 

 e estude com seus

 

 familiares, amigos e conhecidos

 

 A MORDOMIA CRISTÃ

 A consciência da mordomia cristã e a prática deste assunto tão importante em nossa vida diária é outro fator preponderante para o nosso crescimento espiritual. Ser mordomo de Deus é ser administrador de tudo o que Ele coloca em nossas mãos. É trabalhar e cuidar para desenvolver aquilo que Ele nos dá.

São inúmeros os textos bíblicos que mostram que Deus é o Senhor de tudo, de todas as coisas -  Deuteronomio 10:14, Salmo 24:1. Precisamos nos conscientizar que nós somos apenas administradores das coisas de Deus aqui na terra - Mateus 25:14-15, Lucas 19:12-13, e que um dia prestaremos contas de nossa administração a Ele - Mateus 25:19, Lucas 19:15. Analisemos alguns aspectos da mordomia cristã:

 A MORDOMIA CRISTÃ E O TEMPO

Precisamos administrar bem os nossos afazeres diários para que haja tempo disponível  em nosso dia a dia para as coisas espirituais.  Não podemos deixar que a correria dos  dias  presentes  nos  envolvam.  Paulo  nos  adverte  sobre a necessidade de estarmos aproveitando bem o nosso tempo - Efésios 5:15-16. A palavra chave para o bom aproveita-mento do nosso tempo é ORGANIZAÇÃO. Devemos organizar nossa vida diária de tal maneira que possamos dar o máximo do nosso tempo às coisas de Deus, coisas de valor eterno, e o mínimo indispensável às coisas materias, coisas de valor transitório. Façamos de cada minuto disponível em nossa vida uma oportunidade para glorificar ao Senhor.

 A MORDOMIA CRISTÃ E O DÍZIMO

O Dízimo é a décima parte do que recebo devolvida ao Senhor. Tudo o  que recebemos pertence a Deus. Os 100% de meu salário e de meu sustento são dádiva dEle. O Senhor  permite que eu administre 90% do que recebo sendo que  os 10% restantes (Dízimo) devem ser devolvidos a Ele para o desenvolvimento da Sua obra.

Tanto no Velho Testamento como no Novo Testamento encontramos referências sobre o Dízimo.

No VT encontramos a prática do Dízimo antes da lei ser dada por Deus a Moisés - Leia Gênesis 14:18-24; Gênesis 28:18-22. Também encontramos referências sobre o dízimo no período da lei - Leia Levítico 27:30-32, Números 18:24-26, Deuteronômio 14:28, Malaquias 3:7-12.

No NT encontramos Jesus falando sobre o dever de se dar o Dízimo - Leia Mateus 23:23, Lucas 11:42, e o exemplo  de  pessoas que deram além do Dízimo - Leia Marcos 12:41-44, Lucas 19:8, Atos 2:44-45.

A experiência tem demonstrado, que todas as pessoas que pela fé entregam seu dízimo para o desenvolvimento da obra de Deus, são pessoas que têm um admirável crescimento  em   sua   vida   espiritual,  desfrutando   das  maravilhosas  bênçãos   de   Deus - bênçãos espirituais e materiais. Esta é a promessa do nosso Deus: “Derramarei sobre vós bênção sem medida” - Malaquias 3:10.

 A MORDOMIA CRISTÃ E O CORPO

Nosso corpo foi criado por Deus de forma extraordinária. O salmista no Salmo 139:13-14, escreve que de modo assombrosamente maravilhoso o Senhor nos formou.  Lembremos  também  que  após  receber  Jesus  como  Salvador nosso corpo passa a ser habitação do Espírito Santo, isto é, o próprio Deus vive em nós - Leia I Corintios 6:19-20.

Ter um corpo criado por Deus e que é habitação do próprio Deus é um grande privilégio para nós.

Sabendo disso, devemos, como mordomos que somos, administrar bem  a  nossa vida diária, zelando do nosso corpo com o máximo cuidado, conservando-o limpo e nas melhores condições possíveis de funcionamento, para que tenhamos boa saúde e boas condições físicas. Por isso mesmo, nós como cristãos precisamos abominar os vícios e todo tipo de excessos que possam prejudicar o nosso corpo, que é a habitação de Deus.

Sem   dúvida,   há  uma  íntima relação entre crescimento espiritual e o nosso corpo consagrado inteiramente para o Senhor. Que possamos conservá-lo limpo e em boas condições para a glória de Deus.

A  MORDOMIA  CRISTà E  OS  DONS

Todos nós temos dons que nos foram dados pelo próprio Deus para que realizemos algo para a expansão do Seu reino. Leia a parábola dos talentos - Mateus 25:14-30, e observe que o senhor deixou a cada um dos seus servos uma quantidade de talentos para serem administrados, note que todos os três servos receberam talentos.

Deus não nos dá mais talentos do que nós podemos desenvolver, Ele não pede mais do que somos capazes de fazer. Só uma coisa Ele exige de nós, que coloquemos em prática os talentos que recebemos.

Muitas pessoas perguntam: “Como poderei saber qual o talento que eu recebi do Senhor?”  Para saber qual o talento que recebemos do Senhor é importante que comecemos ainda hoje a fazer algo na obra de Deus. Se permanecermos acomodados jamais descobriremos o nosso talento, assim, precisamos nos envolver no trabalho do Senhor, e, com certeza, sentiremos o direcionamento em que poderemos ser mais úteis no Reino de Deus.

Outro requisito básico para saber qual o talento que recebemos do Senhor, é  pedirmos  ao Senhor  que Ele  fale ao nosso coração e nos mostre onde devemos trabalhar. Com certeza Sua direção virá sobre a nossa vida e claramente sentiremos a Sua vontade.

O que não podemos jamais fazer, é covardemente enterrar os talentos que recebemos do nosso Deus. Lembremos que prestaremos contas dos talentos que recebemos. Na citada parábola dos talentos o senhor voltou para cobrar o desenvolvimento dos talentos distribuídos entre os seus servos. O Senhor requer de nós, seus mordomos, fidelidade em tudo o que fazemos - Leia I Corintios 4:2.

 

1) Segundo o texto do Salmo 24:1, a quem pertence a terra?

(   ) Aos governos 

(   ) Ao Senhor Deus Todo Poderoso

(   ) Aos grandes latifundiários

 

2) Em Efésios 5:15-16 o apóstolo Paulo diz: “Remindo o tempo, porque os dias são maus”. Qual o sentido destas palavras para a mordomia do tempo?

(   ) Que devemos correr para manter nossa casa em ordem

(   ) Que devemos trabalhar mais para ter um ganho maior

(   ) Que devemos aproveitar o nosso tempo da melhor maneira possível

 

3) Aproveitar melhor o nosso tempo significa:

(   ) Dedicar mais do nosso tempo para as coisas de Deus

(   ) Dedicar mais do nosso tempo para o nosso trabalho diário

(   ) Dedicar mais do nosso tempo para o nosso lazer

 

4) O que acontece com a nossa vida quando dedicamos mais tempo para Deus?

(    )  Crescemos e nos desenvolvemos espiritualmente    

(    )  Continuamos com a nossa vida espiritual da mesma forma de antes

 

5) Dê uma definição do que é o dízimo:

__________________________________________________________________________________

___________________________________________________________________________________

___________________________________________________________________________________

 

6) Assinale as alternativas corretas:  Por que devemos dar o dízimo?

(   ) Porque é um ensino da Palavra de Deus     

(   ) Porque a igreja exige que eu contribua

(   ) Porque estarei participando no sustento da obra 

(   ) Por medo de não ser abençoado

 

8) Complete o texto de Malaquias 3:10:

“Trazei  todos os _______________ à casa do tesouro, para que haja__________________na

minha________________, e provai-me nisto, diz o Senhor dos Exércitos, seu eu não vos

_______________________as janelas do céu, e não_______________________________sobre

vós______________________sem medida”.

 

9) Enumere  os exemplos bíblicos de pessoas que deram mais do que o  dízimo:

1) Marcos 12:41-44                               (     ) Zaqueu

2) Lucas 19:8                                        (     ) A igreja primitiva

3) Atos 2:44-45                                     (     ) A viuva pobre

 

10) O que acontece com a vida daquele que dá o dízimo?

(    )  Passa fome e dificuldades 

(    )  Experimenta bênçãos espirituais e materiais

 

11) Segundo o texto de I Corintios 6:19-20 quem habita em nosso corpo?

___________________________________________________________________________________

 

12) O Espírito Santo habita em nós, portanto devemos  manter o nosso corpo:

(    ) Limpo e cuidado

(    ) Cansado de tanto trabalhar

(    ) Desgastado pelos vícios

 

13) Todos nós recebemos talentos para o desenvolvimento da obra de Deus?

(     ) Sim    

(    ) Só algumas pessoas receberam    

(    ) Não

 

14) O que devemos fazer com os talentos que recebemos de Deus?

(    )  Desenvolver os talentos para a expansão do Reino de Deus

(    )  Esperar alcançar uma boa experiência para só  então usá-los

(    )  Não desenvolver os talentos com medo de sermos criticados

 

15) Qual deve ser a nossa atitude para que possamos descobrir o nosso talento?

(   ) Esperar uma resposta depois de uma profunda reflexão

(   ) Aguardar um anjo vir e nos revelar

(   ) Nos exercitar no trabalho do Senhor e sentir a direção de Deus para nossa vida

 

16) Na parábola dos talentos  o  que  disse  o  senhor  aos que desenvolveram seus talentos?  Leia Mateus 25:21 e 23

“Servo bom e________________, foste fiel no pouco, sobre o_____________________________

_________________________________: entra no gozo do teu senhor”

 

17) Na parábola dos talentos o que ordenou o senhor que fosse feito com o servo que enterrou o seu talento? - Leia Mateus 25:28 e 30

“Tirai-lhe, pois, o_________________________, e dai-o ao que tem___________. Lançai-o para

_____________nas________________”.

 

18) Você já descobriu quais os talentos que o Senhor te deu? 

(     )  Sim      

(     )  Não

 

19) Se sua resposta for SIM, diga quais são os seus talentos e onde você os tem exercitado. Se sua resposta for NÃO, escreva em rápidas palavras porque você ainda não descobriu seus talento:

______________________________________________________________________________________

______________________________________________________________________________________

______________________________________________________________________________________