Translate this Page

ONLINE
7


PASTOR NORBERTO

NO FACEBOOK

CLIQUE:

 

 TOTAL DE

PAGEVIEWS

-   

11.295.863

      -

 

 TOTAL DE

VISITANTES

 


DEUS CUIDA DE NÓS

DEUS É O NOSSO REFÚGIO

 

E FORTALEZA

Li há algum tempo o testemunho de um rabino chamado Smith que morava na cidade de Chicago e que dois meses antes  da proclamação do Estado de Israel tomou um navio rumo a Palestina para se juntar aos seus patrícios. O rabino Smith narrou a  seguinte experiência:

Durante a viagem de volta a minha terra encontrei-me no navio com uma senhora bastante idosa, mas bem disposta, cabelos  brancos, olhos muito vivos e uma fé inabalável no Senhor Deus Todo Poderoso. Seu nome era Soshana Szokoll.

Logo no primeiro dia da viajem nos encontramos  no convés do navio e travamos o seguinte diálogo:

 - A senhora viaja sozinha?  perguntei. 

- Sim, respondeu ela.  

- E para onde a senhora vai?

- Vou para a minha terra, a querida Palestina.

- Mas para onde na Palestina a senhora quer ir?

- Eu não sei, simplesmente  vou voltar para a minha terra.

- A senhora deve saber para que cidade quer ir, não é mesmo? Caso contrário as autoridades nem a deixarão desembarcar  do navio.

- Eu não sei, vou simplesmente para a minha terra - Israel. 

- A senhora deve ter parentes em Israel.

- Tenho um sobrinho, chama-se Haim Szokoll.

- Ele sabe que a senhora está chegando?

- Não, ele nunca me viu.

Olhei espantado para a velha senhora e perguntei:

- Mas como a senhora pensa encontrá-lo?

- Escute, senhor rabino, estou com 91 anos de idade, e o grande Deus que sirvo e confio jamais me abandonou.

Ao ouvir sua declaração de fé me calei. Os dias se passaram e a viagem chegou ao fim. 

Quando o navio ancorou, vieram a bordo soldados, e todos os passageiros receberam ordens de ter seus documentos à disposição até que cada um fosse chamado pelo nome. A fila era enorme. Tentei esperar a velha senhora com o objetivo de ajudá-la no desembarque, mas não havia permissão para esperar, e, com muita apreensão a deixei para trás.

Mal meus pés tocaram o chão em  terra firme fui cercado por um jovem repórter que queria me entrevistar: 

- Rabino Smith? Sou um repórter daqui e devo fazer uma entrevista com o senhor.

Respondi:

- Aqui está muito tumultuado, dê-me o seu nome e o seu telefone e ligarei assim que chegar ao hotel para marcarmos a entrevista.

Rapidamente o jovem repórter escreveu em um pedaço de papel o seu nome e telefone. Ao olhar o nome do repórter me deparei com: Haim  Szokoll.

Espantado, perguntei: 

- Jovem, você tem uma tia que mora em Chicago?. 

- Sim, respondeu ele,  - deve estar muito idosa,  nem sei se ainda vive. Eu só a conheci através das informações de outras pessoas.

Meu coração estava gelado, a voz quase que não me saia, em poucos instantes, bem na minha frente, a velha Soshana estava ao lado do seu sobrinho, amparada, sorridente, alegre e realizada por voltar à sua querida terra.

Querido leitor, ao ler este maravilhoso testemunho do rabino Smith, lembrei de um dos textos mais tremendos de toda a Escritura - Isaías 64:4 

"Porque desde toda a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos  se percebeu, nem com os olhos se viu Deus além de ti, que trabalha  para aquele que nEle espera".

Que esta seja a sua certeza e convicção. Você tem um Deus em quem pode confiar,  que trabalha por aqueles que nEle esperam.

Creia nisso de todo o seu coração!!