Translate this Page

ONLINE
4


PASTOR NORBERTO

NO FACEBOOK

CLIQUE:

 

 TOTAL DE

PAGEVIEWS

-   

11.278.914

      -

 

 TOTAL DE

VISITANTES

 


NÃO PERCA A CHANCE DE PREGAR O EVANGELHO

Semear Junto a Todas as Águas

 

“Bem-aventurados vós os que semeais

 junto a todas as águas” - Isaias 32:20.

No dia 7 de maio de 1946, Roger Simms, que acabara de dar baixa do exército americano, estava pedindo carona para voltar para casa quando um comerciante dirigindo um Cadillac novo parou no acostamento.

“Vai para Chicago?” - perguntou o motorista. “Até lá, não” - respondeu Simms, enquanto entrava no carro.  “O senhor mora em Chicago?”

“Sim, meu nome é Hanover e sou comerciante em Chicago”.

Enquanto viajavam, Roger, um cristão sério e comprometido com Deus sentiu necessidade de fazer um contato missionário com seu benfeitor, mas deixou para mais tarde. Finalmente, a 30 minutos de seu ponto de destino, não conseguiu mais resistir ao impulso e falou: “Sr. Hanover, eu gostaria de dizer-lhe algo muito importante”. E apresentou a seu novo amigo, de modo discreto e atraente, a necessidade de uma entrega pessoal a Cristo. Concluiu com um apelo para que o Sr. Hanover recebesse a Cristo como seu Salvador e Senhor. O Sr. Hanover, que havia falado pouco durante o testemunho de Roger, conduziu o carro até ao acostamento da rodovia e parou. E ali, naquele momento, entregou a vida a Cristo. “Esta é a coisa mais maravilhosa que já me aconteceu”, disse ele, com lágrimas nos olhos.

Poucos quilômetros adiante, o Sr. Hanover deixou Roger em seu destino.

Cinco anos transcorreram. Certo dia, Roger decidiu visitar o homem que lhe havia dado carona. Dirigindo-se à Empresa Hanover, disse que queria ver o proprietário. Em lugar dele, veio a Sra. Hanover. Quando Roger lhe pediu notícias do esposo, soube que o Sr. Hanover havia morrido num acidente automobilístico a poucos quilômetros de casa, justamente naquele final de viagem, no mesmo dia em que Roger o havia conduzido a Cristo. Durante anos a Sra. Hanover tinha orado pela conversão do marido. Que conforto foi, para aquela mulher, saber que ele havia aceitado a Cristo pouco tempo antes de morrer!                                            

Um cristão fiel e comprometido com o Divino Mestre e Senhor deve estar sempre pronto a testemunhar de Jesus. "Prega a palavra", diz Paulo, "insta, quer seja oportuno, quer não."  - II Timóteo 4:2. Hoje, ao sair para o trabalho e encontrar pessoas, abra o coração e permita que o Espírito Santo lhe mostre maneiras de dar um testemunho cativante da salvação em Cristo Jesus.